Merendeiros realizam protesto por péssimas condições de trabalho em Paço do Lumiar

Profissionais que trabalham na merenda escolar da gestão Paula da Pindoba, em Paço do Lumiar realizaram protesto na manhã desta segunda-feira, 04. Os trabalhadores cobram reajuste salarial, que segundo a categoria não acontece desde o ano 2022.

Ainda segundo eles, falta condições mínimas de trabalho, e qualidade na merenda oferecida aos alunos da rede municipal de ensino. “Nossa categoria está se sentindo humilhada e totalmente desvalorizada pela atual gestão. Há dois anos lutando pelo reajuste, e nada. Tem merendeiro que trabalha com panela sem alça, e fogão caindo aos pedaços”, declarou o trabalhador.

Já os professores aguardam a retomada da discussão sobre o plano de cargos e carreira, e até agora nada. “A retomada nas negociações sobre o Plano de Cargos e Carreiras dos profissionais que trabalham na educação nunca acontece, nossas escolas caindo aos pedaços”, desabafou um servidor da educação.

Além da insatisfação dos profissionais, pais e responsáveis de alunos denunciam que o ano letivo ainda não iniciou em Paço do Lumiar, isso em pelo menos 70% das escolas da rede. Até o momento a gestão Paula da Pindoba não se manifestou sobre o assunto.

 

Participe do blog.

Mande sua mensagem ou denúncia no e-mail keithlccalm@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Publicidade

  • Participe

  • Mande sua mensagem ou denúncia no e-mail keithlccalm@gmail.com